Internacional 3 x 0 Botafogo


Internacional x Botafogo
Ao fundo, o técnico perdedor da partida
Foto: Ricardo Duarte

Será que a culpa é do treinador? Até pode ser, se formos levar em consideração que fazia um tempo ele estava longe do Brasil! Mas se ele estava longe do Brasil e a diretoria do Botafogo o trouxe, a culpa não seria também da diretoria do Botafogo por fazer mais esta aposta? Não seria culpa da diretoria do Botafogo (também) a incompetência para regularizar (momentaneamente) a situação financeira do clube e pagar o salário de (neste momento, mas sem esquecer - mos dos outros funcionários) todos os jogadores? Não seria por isso que o time parece um "bando" em campo ou, como meu pai disse: "peladeiros"? Quais dessas respostas seria a mais correta? talvez todas elas estejam corretas, infelizmente...

Vamos começar (se eu já não tiver começado a falar de nosso técnico): Alberto Valentim nos deixou na nona colocação do campeonato e o time após a parada para a copa é o mesmo. Logo, podemos inferir que a culpa é do técnico! Não podemos nos esquecer de que Matheus Fernandes disse que havia alguns jogadores com dificuldade em assimilar as orientações do novo técnico! Será que isso já não seria (os resultados negativos) o começo de uma "panelinha" para derrubar o técnico?

Ainda não vejo razão para culpar o goleiro Saulo. Mas com o time do jeito que está, para o nosso jovem goleiro, de repente um jogo contra um time adversário cuja a camisa pese um pouco mais, seja mais tradicional no cenário nacional, sem segurança, não há goleiro que se sinta a vontade para defender seu time, apesar de todo o seu profissionalismo.

Muitas foram as críticas feitas a Luis Ricardo; Joel Carli (incansável) foi ao ataque para tentar alguma coisa; Igor Rabello não esteve bem e Moisés em determinado momento do jogo (tal qual Saulo em determinado momento do jogo) com o time perdendo fazendo gracinhas. Dribles e lençóis desnecessários e tentativas de passar a bola por baixo das perdas do adversário: esse tipo de coisas só se faz quando o time está vencendo e que um placar que exprima tranquilidade para tanto.

Um dos poucos que brigaram e mostrou um pouco de disposição foi Jean; Matheus Fernandes não esteve bem e Marcinho até um certo momento estava indo bem, subindo ao ataque e até mesmo mostrando disposição em uma posição que não era sua, mas bastou ver as suas falhas na contenção, na marcação, na defesa, para saber que ele não estava bem. Na transmissão da televisão, faltando pouco para entrar na partida, a imagem mostrou Brenner olhando para o campo, certamente pensando: "puta que pariu, onde vou me meter". Claro que isso quem imaginou fui eu ao ver a expressão em seu rosto: pouco fez, pouco produziu.

Irei deixar alguns jogadores de fora por (sinceramente) não saber o que dizer sobre eles. Uma coisa é certa, quer nós queiramos quer não, os dois "Rodrigos" (Lindoso e Pimpão) fazem falta; não vai dar para defender Leo Valencia desta vez (mas leve em consideração que o time todo estava horrível, esteve horrível: um time apático, sem raça, sem sangue, sem GARRA! Aguirre ainda tentou alguma coisa (agora jogando em sua posição de origem), mas sem sucesso! Quem iria, poderia municiá - lo?

Tanto meu pai quanto um amigo meu que estavam assistindo ao jogo, concordaram numa coisa (além do que eu já disse acima); o time do Botafogo mais parecia um time de peladeiros; um time que até poderia perder da forma como perdeu, mas que perdesse jogando um futebol digno, com raça, vontade, com GARRA! A raiva é grande e a cada partida vem aumentado, você sabe que como torcedor, cronista, corre sangue em minhas veias e que costumo xingar por aqui, mas desta vez o palavrão que me vem a minha cabeça é muito indiscreto. Deixo por conta de vocês e imaginação o palavrão que eu me recuso a publicar!

Saudações Alvinegras...apesar de tudo!
Internacional 3 x 0 Botafogo Internacional 3 x 0 Botafogo Reviewed by Thiago de Castro on julho 29, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias