Julgamento de Bruno Silva é adiado e volante vai à campo contra o Sport

Bruno pode ser suspenso por 180 dias (Foto: Vitor Silva/SSPress/Botafogo)
Antes marcado para quarta-feira, 26, juri ainda não tem nova data definida 



Denunciado ao TJD-RJ por ter acertado uma bolada no árbitro no fim da partida diante do Vasco, pela final da Taça Rio, o volante Bruno Silva teve o seu julgamento suspenso. Com isso, o jogador está livre para enfrentar o Sport, amanhã, às 21h45, pela Copa do Brasil.


Enquadrado no artigo 254-A do Código de Justiça Desportiva, que trata de "Praticar agressão física durante a partida, prova ou equivalente", o Botafogo entrou com um pedido de adiamento do júri por achar que o jogador deveria estar presente na audiência, que estava marcada para esta quarta, às 18h. Além disso, no despacho do relator do processo, o auditor Gustavo Furquim considerou a disposição de Bruno querer estar presente para prestar seu depoimento. O que não seria possível caso a data de julgamento fosse mantida.

Podendo pegar 180 dias de suspensão em âmbito nacional (Copa do Brasil e Campeonato Brasileiro), Bruno Silva pode ser enquadrar no artigo 258: “assumir qualquer conduta contrária a disciplina ou à ética desportiva não tipificada pelas demais regras deste Código” e assim, ter sua pena reduzida para número de jogos, que podem chegar de um a seis e valeria apenas para o Campeonato Carioca do ano que vem, caso permaneça no Glorioso.
Julgamento de Bruno Silva é adiado e volante vai à campo contra o Sport Julgamento de Bruno Silva é adiado e volante vai à campo contra o Sport Reviewed by Informe Botafogo on abril 25, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias