Botafogo perde e, há quatro partidas sem vencer, cai para a quarta posição

Com um Arruda lotado para recepcionar um ídolo recente, Grafite, o Botafogo não teve forças para suportar a pressão local e foi derrotado pelo Santinha - apelido carinhoso de sua apaixonada torcida - por 1 a 0. Com isso, após três pontos somados nos últimos doze disputados, o Botafogo perdeu a liderança da competição e encontra-se na quarta colocação, um ponto do atual líder Vitória. Na próxima rodada, a penúltima do turno, enfrentará o ABC, terça, no Nílton Santos, 21h30.

Foto: Peu Ricardo
Ricardo Gomes mudou quatro peças da escalação inicial. Fora o Luís Ricardo, que assumiu a titularidade após se recuperar de lesão, Serginho (estreante), Neílton e Navarro (titulares pela primeira vez) começaram entre os onze. E antes do apito inicial, o time já sabia que precisava da vitória para voltar para a liderança, devido às vitórias de América Mineiro na terça e Bahia na sexta.

Jogo truncado e com pouca movimentação. Aos 14, o primeiro chute a gol da partida, para tranquila defesa de Jefferson. No minuto seguinte, Neílton tentou um chute sem ângulo após recuperar a bola no ataque depois de pressionar o zagueiro adversário. Aos 23, após uma jogada confusa com Luís Ricardo, a bola bate no lateral e o goleiro pernambucano faz a defesa, pois a bola foi na direção da sua meta.

Foto: Peu Ricardo
 Aos 37, a melhor chance da primeira etapa. Jefferson faz uma defesa espetacular após uma finalização de primeira. Mais uma vez, o goleiro botafoguense demonstra porque é o atual dono da camisa 1 alvinegra. Vem o segundo tempo. Com a mesma escalação do apito inicial, logo aos 5, Grafite aproveita cruzamento da direita e cabeceia para fazer o único tento da partida.

Foto: Peu Ricardo

Ricardo Gomes procurou modificar a postura do Botafogo ao fazer as substituições, mas o time não se encontrava em campo. Navarro teve a melhor chance da etapa complementar. Após saída em falso do goleiro do Santinha em cobrança de escanteio, o atacante cabeceou para fora com o gol vazio, aos 37. E foi só. Para um time que não conseguiu finalizar no alvo após noventa minutos e com mais uma partida pobre com nível de estadual, o empate só não seria justo porque a noite de sábado já tinha dono.

E o dono se chama Grafite.


FICHA TÉCNICA:

SANTA CRUZ 1 X 0 BOTAFOGO

Local: Arruda, Recife (PE).
Data / Hora: 8-agosto-2015 / 16h30 (de Brasília).
Árbitro: Flávio Rodrigues Guerra (SP).
Auxiliares: Vicente Romano Neto (SP) e Carlos Augusto Nogueira Júnior (SP).
Renda/Público: R$ 1.008.815,00 / 44.872 presentes (43.320 pagantes).
Cartões Amarelos: Anderson Aquino, 34'/1°.T, Danny Morais, 15'/2°.T, e Luisinho, 28'/2°.T (Santa Cruz); Serginho, 32'/1°.T, Lulinha, 26'/2°.T, e Carleto, 46'/2°.T (Botafogo).
Gol: Grafite, 6'/2°.T (1-0).

SANTA CRUZ: Tiago Cardoso; Vitor (Moradei, 39'/2º.T), Néris, Danny Morais e Marlon (Lucio, 21'/2º.T); Wellington, Bileu, João Paulo e Lelê; Anderson Aquino e Grafite (Luisinho, 25'/2º.T). Técnico: Marcelo Martelotte.

BOTAFOGO: 1- Jefferson; 4- Luis Ricardo, 3- Renan Fonseca, 2- Diego Giaretta e 6- Carleto; 5- Serginho (19- Daniel Carvalho, 31'/2º.T) e 8- Willian Arão; 11- Octavio (17- Lulinha, 23'/2º.T), 10- Diego Jardel e 7- Neilton (16- Sassá, 11'/2°.T); 9- Navarro. Técnico: Ricardo Gomes. Suplentes não utilizados: 12- Helton Leite, 13- Diego, 14- Roger Carvalho, 15- Dierson e 18- Luis Henrique.


Por: Thiago Hildebrandt.
Botafogo perde e, há quatro partidas sem vencer, cai para a quarta posição Botafogo perde e, há quatro partidas sem vencer, cai para a quarta posição Reviewed by Thiago Hildebrandt on agosto 08, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias