A doce Série B

Antes da estreia do técnico Ricardo Gomes, o Botafogo empatou com o Criciúma - ainda invicto sob o comando do seu treinador, o ex-jogador Petkovic - no Nílton Santos. A contar somente os números frios da pontuação, foi bom para o alvinegro, pois entrou no gramado sabendo que não perderia a sua liderança isolada devido aos resultados dos jogos de 19h30 e ainda aumentou a diferença para dois pontos do segundo colocado. Por outro lado, o time perdeu mais uma oportunidade de ampliar essa diferença.

A partir da quarta rodada, quando o Botafogo venceu o Vitória no Nílton Santos, o time tornou-se o vice-líder da competição, empatando com o então líder Bahia e perdendo no saldo de gols. Na quinta, torna-se líder mas ainda não de forma isolada. Na sétima, assumiu a liderança isolada. Na décima segunda rodada, viu três times se igualarem em pontos e se manter líder devido ao critério de desempate. E na rodada seguinte (décima terceira) até a última (décima quinta) manteve-se na liderança isolada.

Nessas últimas três partidas, foram dois empates e, mesmo assim, os adversários não voltaram a se igualar em número de pontos, quanto mais ultrapassar. E já com a décima sexta rodada tendo o seu início na sexta a noite, o Paysandu, que tinha a chance de igualar o número de pontos do Botafogo - jogou contra o vice-lanterna Mogi Mirim em seus domínios e apenas empatou.

Foto: Vitor Silva
No sábado a tarde contra o Luverdense, novamente no Nílton Santos e para não depender de tropeços de Vitória, América e Náutico, o Botafogo jogará para se manter líder isolado mais uma vez. Caso empate e um desses vença, o Botafogo perderá a liderança mas ficará com a mesma pontuação do possível líder.

Ou seja, por mais que o time tenha nos decepcionado e nos entristecido em alguns momentos nessa caminhada do retorno à elite, os adversários estão colaborando para a nossa manutenção no topo. Sendo assim, por que o nosso time não colabora, também, e dispara logo na liderança?

Reage, meu Botafogo!

Por: Thiago Hildebrandt.
A doce Série B A doce Série B Reviewed by Thiago Hildebrandt on agosto 01, 2015 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias