COLUNA DO BRUNO SOUZA: Posse de bola para evitar gols no fim.

Fala galera alvinegra de todo o Brasil!

É quase surreal. Passados 1/3 do campeonato brasileiro, o Botafogo é o líder do campeonato e com um futebol digno de aplausos de todos os amantes do futebol e da imprensa especializada. Mesmo com tudo isso, o Botafogo no dia que retoma a liderança isolada do campeonato, consegue deixar o torcedor irritado ao final da partida.

Eu não sei à quem essa pergunta poderia ser direcionada, mas acho que essas perguntas seriam pertinentes nesse momento. Por que o Botafogo, mesmo nos bons momentos, faz o seu torcedor sofrer? Por que o erro de sofrer gols nos últimos segundos das partidas, segue se repetindo? Por que o time recua tanto nos minutos finais das partidas?

Muito tem se falado sobre quem ou o que tem causado os gols sofridos nos últimos segundos das partidas, pelo time alvinegro. Já ouvi e li muito sobre o assunto. Alguns dizem que o técnico Oswaldo de Oliveira é o maior causador, devido as mexidas no time, que acabam recuando a equipe. Há também quem disse (uma minoria, é verdade), que a culpa é do fraco elenco alvinegro. E há também o argumentos mais recorrente entre os torcedores, de que o famoso acréscimo "até empatar", é o maior causador desses gols sofridos.

Já falamos aqui nesse espaço sobre o tempo de acréscimo e já vou logo eliminar o argumento de fraco elenco. Como assim, fraco elenco? Existe algum time no Brasil com elenco forte e recheado de jogadores do mesmo nível para todas as posições? A resposta é, não. Fala-se muito no Corinthians, mas se compararmos nome por nome de cada elenco ( não farei aqui, pois isso é algo muito subjetivo), veremos que os dois (Botafogo e Corinthians) se equivalem e o Botafogo leva até ligeira vantagem. Portanto se o Botafogo não tem elenco, imaginem os outros times...

Outro argumento, seria o de que o técnico Oswaldo de Oliveira recua demais o time no final das partidas, e que isso estaria fazendo a diferença nos gols sofridos. Mas vamos analisar um pouco as situações das últimas partidas do Botafogo. O time vinha ganhando por um gol de diferença nos minutos finais, o normal de todo técnico fazer, é colocar um defensor, para ajudar na defesa e segurar o resultado. Alguns dirão que o certo é não recuar o time, para não sofrer pressão. Mas todos os técnicos fazem isso e dando certo ou não, parece ser o mais apropriado para a situação.

Acho que o que está faltando ao Botafogo nos minutos finais das partidas, é valorizar um pouco mais a posse de bola. Um time com tantos jogadores de qualidade, não pode tomar pressão, pelo fato de não conseguir ficar com a bola nos pés no final das partidas. Se ficar difícil de tocar a bola no ataque, volte para o meio-campo, se apertar volte na zaga, vire o jogo, gaste a bola. Assim fica mais fácil de passar o tempo de acréscimo e garantir a vitória.

O time está com tudo pra ser campeão e vem dando muito orgulho ao torcedor alvinegro. Só falta agora não tomar mais gols no final das partidas, pois até mesmo o mais masoquista torcedor alvinegro, não deve aguentar mais tantos gols sofridos no fim.

É isso ai galera. Vou ficando por aqui. Saudações alvinegras e até semana que vem!

COLUNA DO BRUNO SOUZA: Posse de bola para evitar gols no fim. COLUNA DO BRUNO SOUZA: Posse de bola para evitar gols no fim. Reviewed by bcfsouza on agosto 17, 2013 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias