Jefferson falha, mas Marcos Vinicius salva Bota da derrota em casa

Foto: BFR


Com o placar de 2 a 2, o Botafogo iniciou a campanha no Campeonato Carioca com empate. Os gols foram marcados por Sassá, duas vezes para Portuguesa, e Brenner, de pênalti, e Marcos Vinicius para os anfitriões.

O JOGO

O Botafogo iniciou a partida trocando muitos passes e com a posse de bola, porém durou só até os 9 minutos, quando após escanteio a bola sobrou na pequena área para Sassá abrir o placar. O Glorioso pareceu sentir o gol e aos 35 minutos Sassá arriscou de fora da área e contou com a falha de Jefferson para ampliar para os visitantes. O alvinegro passou a arriscar chutes longa distância, principalmente com Valência. 

No segundo tempo, sem Joel Carli, o time ensaiou uma pressão imediata e foi recompensado com um pênalti convertido por Brenner. A partir daí, o time Felipe Conceição, tentava mas não conseguia criar lances claros de gol. A Lusa se fechou e conseguiu segurar o placar até aos 48 minutos do segundo tempo. Após cobrança de escanteio, Brenner cabeceou para o meio da área e Marcos Vinicius, que saiu do banco, chegou batendo de primeira para empatar: 2 a 2. Dando números finais a partida.

OLHAR PRA FRENTE SEM ESQUECER O PASSADO

O torcedor saiu aliviado, contudo o grito ouvido no estádio foi "queremos jogador". O Botafogo volta a campo no próximo sábado, 20/01, no clássico contra o Fluminense.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 2 X 2 PORTUGUESA

LOCAL - Estádio Nilton Santos, RJ.

BOTAFOGO - Jefferson; Arnaldo, Joel Carli (Marcelo), Igor Rabello e Gilson; Matheus Fernandes (Rodrigo Lindoso), João Paulo e Leo Valencia (Marcos Vinícius); Luiz Fernando (Lucas Campos), Rodrigo Pimpão (Ezequiel) e Brenner. Técnico: Felipe Conceição.

PORTUGUESA - Milton Raphael; Cássio, Luan, Marcão e Diego Maia; Muniz (Abuda), Jhonnatan e Maicon Assis (Philip); Sassá (Rayllan), Romarinho (Manteiga) e Alexandro. Técnico: João Carlos Ângelo.

GOLS - Sassá, aos 9' e aos 35' do 1º Tempo. Brenner (pênalti), aos 6', e Marcos Vinícius, aos 49' do 2º Tempo.

ÁRBITRO - Bruno Arleu de Araújo (RJ).

CARTÕES AMARELOS - João Paulo (Botafogo); Cássio, Marcão, Jhonnatan (Portuguesa).

PÚBLICO - 4.055 pagantes (4.743 presentes) | RENDA - R$ 84.100,00.

Jefferson falha, mas Marcos Vinicius salva Bota da derrota em casa Jefferson falha, mas Marcos Vinicius salva Bota da derrota em casa Reviewed by Keno Costa on janeiro 17, 2018 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias