Jair fala qual foi o pecado do Botafogo e explica opção por Leo Valência; confira

Créditos: Site Botafogo
O Botafogo empatou em 0x0 com o Grêmio, na noite desta quarta-feira, pela Copa Libertadores e agora terá que decidir sua classificação na casa do adversário. Em coletiva após o jogo, o técnico Jair Ventura falou qual foi o pecado no time, na primeira partida da decisão de 180 minutos contra o time Gaúcho.

Nosso time estava muito espaçado, conversamos no vestiário e foi unânime. Falo da compactação, quando está na defesa e ataque tira espaços do adversário. Estava perdendo muito a segunda bola, com dois lados muitos distantes. No segundo tempo aproximamos e conseguimos criar algumas oportunidades, melhoramos. Teve um lance do Gilson, uma do Guilherme. Mas jogo equilibrado - disse o treinador.

Como o Fogo Noticias adiantou na matéria de ontem, o treinador optou por Leo Valência no lugar de Rodrigo Lindoso, começando assim com uma formação mais ofensiva. Jair Ventura explicou a opção pelo Chileno na partida.

No último mata-mata o Valencia não tinha condição de jogar, tive que fazer uma adaptação do João para meia. Hoje não, tinha jogador da posição. Você tem jogadores recuperando de lesão, o João pediu para sair. Isso já era mais ou menos previsto. Não mudou nossa maneira de jogar, continuamos com três volantes. A opção foi porque tinha opção, na Copa do Brasil não - revelou Jair.
Jair fala qual foi o pecado do Botafogo e explica opção por Leo Valência; confira Jair fala qual foi o pecado do Botafogo e explica opção por Leo Valência; confira Reviewed by Leonardo Machado on setembro 14, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade