DRAMA: Roger tem tumor detectado e não joga mais pelo Botafogo em 2017

Assunto era tratado como cautela em General Severiano. Atacante tem tumor no rim, mas não passará por quimeoterapia e radioterapia




Principal goleador do time do Botafogo em 2017, o atacante Roger não entrará mais em campo em 2017. O jogador realizou exames nesta semana, que detectaram um tumor renal, que obrigará o camisa 9 do Glorioso a passar por uma intervenção cirúrgica.

A pedido do jogador, o assunto foi tratado com cautela, uma vez que Roger estava aguardando o retorno dos filhos de uma viagem para contar o problema pessoalmente a família. A princípio, não serão necessários os tratamentos de quimeoterapia e rádioterapia.

Aos 33 anos, Roger vivia a sua melhor temporada com a camisa do Botafogo. Em 49 jogos, o "Rajada", como é apelidado pelos companheiros, marcou 17 gols, sendo 10 no Brasileirão, onde estava brigando pela artilharia.

Através de seus perfis nas redes sociais, o Botafogo prestou solidariedade ao atleta, postando uma foto do camisa 9 com a hashtag #ForçaRoger. Diversos clubes do Brasil também se manifestaram e enviaram energias positivas ao jogador, como o arquirrival Flamengo, que postou em seu Twitter oficial: "Um enorme desafio se apresenta, mas dessa vez estamos do mesmo lado. Força, Roger! SRN"
DRAMA: Roger tem tumor detectado e não joga mais pelo Botafogo em 2017 DRAMA: Roger tem tumor detectado e não joga mais pelo Botafogo em 2017 Reviewed by Igor Melo on setembro 30, 2017 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade