Coluna Nossa História: Estádio Marechal Hermes!

Companheiros Botafoguenses, a coluna de hoje vai relembrar uma das casas que o nosso Glorioso já teve e que alguns tiveram a honra de prestigiar uma partida nela. Falaremos do Estádio Marechal Hermes ou Estádio Mané Garrincha.

Antes, porém, o campo era do Sport Club União (também alvinegro), atual União Futebol Clube. O campo foi inaugurado em 1922.



Após perder a sua tradicional sede de General Severiano, o Alvinegro precisava de um local para mandar alguns de seus menores jogos e ter onde os jogadores profissionais treinarem, daí surgiu a ideia do estádio no bairro do subúrbio carioca.

A nova casa Botafoguense teria início de sua construção em 1977 e ficaria pronto para jogos em outubro de 1978. O estádio, que teve as suas arquibancadas tubulares, tinha capacidade para 20 mil pessoas e foi inaugurado em 22 de outubro de 1978 com a partida entre Botafogo e Portuguesa, que culminou com vitória do Glorioso por 2 a 1, gols de Dé Aranha e Mendonça, Luisinho descontaria para a Lusa.

Ficha do Jogo:

Botafogo 2 x 1 Portuguesa

Estádio de Marechal Hermes, Rio de Janeiro
Público: 19.211 pagantes (renda: Cr$ 573.295,00)
Árbitro: Élson Pessoa
Campeonato: Carioca
Gols: Dé (46 min), Mendonça ( 79 min) e Luisinho (84 min).


Botafogo: Zé Carlos, Perivaldo, Osmar, Renê e Ademir Vicente; Wecsley, Mendonça e Ademir Lobo; Gil (Cremílson), Luizinho Lemos (João Paulo) e Dé. Técnico: Danilo Alves.

Portuguesa: Chico, Sérgio Roberto, Márcio, Fernando e Dori; Édson, Carlinhos (Emílio) e Jair; Zair, Luisinho e Bruno. Técnico: José Storino.

A última partida do profissional que ocorreu no estádio foi em 20/07/1986, vencendo o Goytacaz por 1 a 0. 

Aos poucos o estádio foi sendo esquecido pois nos anos 90 o Botafogo arrendou o Caio Martins e recuperou a sua sede tradicional. As equipes de base passaram a mandar seus jogos no local e com o passar do tempo o mesmo foi demolido para dar lugar a um centro de treinamento das equipes inferiores.

Hoje em dia o terreno se encontra abandonado, contudo existe um grande projeto com parceria entre Botafogo e Governo do Estado para a construção e espaços esportivos e culturais previstos no projeto, como pista de atletismo oficial, piscina semiolímpica e ginásio poliesportivo.


Por: Marcos Cruz

Coluna Nossa História: Estádio Marechal Hermes! Coluna Nossa História: Estádio Marechal Hermes! Reviewed by Marcos Cruz on setembro 13, 2016 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade