COLUNA DO BRUNO SOUZA: Vale a pena manter Oswaldo de Oliveira no clube?

Fala amigos alvinegros!

Com o empate que teve sabor de derrota para o Botafogo, no último domingo contra o Palmeiras, o time do Botafogo ficou com apenas 1% de chances de classificação para a Taça Libertadores do ano que vem, portanto agora é a hora de começar a pensar no ano de 2013.

A primeira questão a ser pensada pela diretoria para o ano de 2013, é a permanência ou não de Oswaldo de Oliveira no próximo ano.

Oswaldo tem sua permanência quase garantida, pois quer ficar no clube e o presidente Maurício Assumpção confia no trabalho do treinador. Oswaldo nesse quase um ano de Botafogo, teve seus prós e contras.

Entre seus prós, temos a implementação do esquema de jogo 4-2-3-1, que tendo as peças certas se encaixa muito bem e faz o time muito forte no meio de campo. Outro ponto positivo do trabalho de Oswaldo de Oliveira à frente do Botafogo, foi o bom aproveitamento dos jovens jogadores no time principal. Dória, Jadson, Gabriel e Bruno Mendes, estão jogando em um nível muito bom, muito por conta do trabalho do técnico com os jogadores mais jovens. Talvez com outro técnico, esses jogadores não tivessem evoluído tão rapidamente em campo.

Entre os contras, temos a teimosia de Oswaldo em algumas ocasiões, como na insistência em dar chances no time ao fraco Rafael Marques e na manutenção de Fabio Ferreira por tanto tempo no time titular do Botafogo. Outro ponto que pesa contra o técnico, é a passividade e a incapacidade de mudar o panorama desfavorável ao Botafogo demonstrado em alguns jogos nesse ano, onde o time não estava bem em campo e Oswaldo esperava até 25 minutos, as vezes até 30 minutos do segundo tempo, para tentar mudar algo no time. A arrogância de Oswaldo em algumas entrevistas, também incomodam muito a torcida alvinegra e o técnico está longe de ser bem quisto pelos torcedores.

Oswaldo de Oliveira é um intelectual do futebol e tem qualidades como técnico, mas precisa rever alguns de seus conceitos e precisa também ser menos arrogante e reconhecer seus próprios erros, quando eles acontecem.

Na minha opinião, Oswaldo só deve continuar no Botafogo se estiver disposto a mudar alguns de seus conceitos e algumas de suas atitudes, como Oswaldo faz parte de uma geração de técnicos que dificilmente mudam seus comportamentos e seus modos de pensar o jogo de futebol em sí, o melhor para o Botafogo nesse momento seria uma mudança no comando técnico do futebol.

Rapidinhas: 

- Tudo bem que foi só uma sondagem e que quem deu os valores foi o Botafogo, mas se a Juventus-ITA aceitasse o valor para compra do jovem zagueiro Dória, seria tentador para o clube, eu no lugar dos dirigentes venderia o jogador. Como foi considerado pelo clube italiano um valor alto, o Botafogo poderia baixar a pedida e incluir na negociação o zagueiro ex-seleção brasileira Lúcio, que já declarou que não vai continuar no clube italiano no ano que vem.

- Seedorf poderia voltar ao time no jogo contra a Portuguesa. Como o time já não está mais disputando nada no Brasileirão, não seria melhor preservar o jogador para o ano que vem?

- Esses amistosos que a diretoria do Botafogo marcou para Túlio Maravilha buscar seu milésimo gol, e o time que montaram para jogar com Túlio, são a imagem do descaso e da falta de respeito por parte da diretoria com o nosso ídolo.

É isso aí galera, vou ficando por aqui. Saudações alvinegras e até semana que vem!
COLUNA DO BRUNO SOUZA: Vale a pena manter Oswaldo de Oliveira no clube? COLUNA DO BRUNO SOUZA: Vale a pena manter Oswaldo de Oliveira no clube? Reviewed by bcfsouza on novembro 08, 2012 Rating: 5

Nenhum comentário

Publicidade

FogoNotícias